As lentes OpenVista são as únicas que utilizam um substituto natural da lágrima que nasce da sinergia entre duas substâncias naturais, o Ácido Hialurônico (HA) e o Polissacarídeo da Semente de Tamarindo (TSP). Esse biopolímero é inserido no material da lente de contato e liberado lentamente ao longo do uso, pela pressão da pálpebra sobre a lente, pelo piscar e pela temperatura corpórea.

Através dessa tecnologia patenteada, as lentes OpenVista geram:

  • Maior volume e estabilidade da lágrima, que hidrata e lubrifica constantemente o olho para uma melhor qualidade da visão
  • Redução significativa da fricção entre a lente de contato e a pálpebra, e consequentemente das irritações
  • Ação prolongada da lágrima nas regiões de contato entre a lente e o olho (interfaces)
  • Maior tolerabilidade das lentes comparadas com as concorrentes